[1]
F. Teixeira, “De começos e anexações. Primeiras apropriações de Álvaro Lins em Portuga”l, escritasdotempo, vol. 2, nº 4, p. 62-82, jun. 2020.