Aproximações Entre “Ode Triunfal”, “Admirável Chip Novo” E A Tendência Pedagógica Tecnicista

  • Bruna Eduarda Pereira Universidade Federal do Pará
  • Fernando Farias
Palavras-chave: Fernando Pessoa, Pitty, Tecnicismo na Educação

Resumo

O presente artigo visa traçar um comparativo analítico entre a poesia “Ode Triunfal”, poesia de Fernando Pessoa, e a canção “Admirável Chip Novo” da cantora Pitty. Essa aproximação partiu da finalidade de levantar aspectos em tais produções, que correspondem a uma crítica à Tendência Pedagógica Tecnicista presente na educação, sobretudo no Brasil pós segunda metade do século XX. Para tal comparativo, investiu-se em uma pesquisa bibliográfica apoiada no contexto histórico da industrialização ocorrida no Brasil, além de aspectos composicionais da poesia e da canção. Em termos conclusivos, pontua-se que tanto a poesia quanto a canção em tela são recursos pedagógicos fundamentais ao entendimento do tecnicismo, à medida que evocam condições de desumanização causadas por essa tendência genuinamente aproximada a fábrica, distanciada de uma educação crítica, desalienante. Com essa comparação, entende-se somar à formação de profissionais de letras e educação, de modo geral, justamente por se observar sujeitos cada vez mais imersos em meios tecnológicos, menos humanos, mais insensíveis às questões afetivas, emocionais e necessárias a uma educação transformadora.

Referências

ABREU, Luis Felipe Silveira de. Fragmentos de um discurso biográfico: poéticas, políticas e devorações do biografema na comunicação contemporânea. 2018.

ADORNO, Theodor W. Adorno. Psychology Press, 2003.

ALBERTO, Simão; PLACIDO, Reginaldo Leandro; PLACIDO, Ivonete Telles Medeiros. A formação docente e o tecnicismo pedagógico: um desafio para a educação contemporânea. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, p. 1652-1668, 2020.

ASIMOV, Isaac. “O Homem Bicentenário”, [1976]. O Homem Bicentenário.

AUTRAN, Paulo; GUZIK, Alberto. Paulo Autran: um homem no palco. Boitempo, 1998.

BAIÃO, Sirley Almeida Adelino; DE ARAGÃO CORREIA, Fernanda Bezerra; FERRARI, Stephen Francis. Consumismo e solidão no filme Inteligência Artificial, de steven spielberg: uma abordagem ecocrítica e filosófica. Revista Sergipana de Educação Ambiental, REVISEA, p. 88, 2014.

BRIGHENTE, Miriam Furlan; MESQUIDA, Peri. Paulo Freire: da denúncia da educação bancária ao anúncio de uma pedagogia libertadora. Pro-Posições, v. 27, p. 155-177, 2016.

COLLODI, Carlo. As aventuras de Pinóquio. Editora Iluminuras Ltda, 1960.

COUSINET, Roger. A Educação Nova, 1959. Companhia Editora Nacional, 1959.

SILVA, Andréa Villela Mafra da. A pedagogia tecnicista e a organização do sistema de ensino brasileiro. Revista HISTEDBR On-line, v. 16, n. 70, p. 197-209, 2016.

SILVA, Delcio Barros da. As principais tendências pedagógicas na prática escolar brasileira e seus pressupostos de aprendizagem. Linguagens & Cidadania, 2000.

SILVA, Márcia Cristina Amaral da; GASPARIN, João Luiz. A segunda revolução industrial e suas influências sobre a educação escolar brasileira. VII Seminário de Estudos e Pesquisas, v. 1, p. 1-20, 2006.

BRENNAND, Edna Gusmão de Góes; MEDEIROS, José Washington de Morais. A razão invertida: o tecnicismo na educação como veículo de colonização do mundo vivido. P2P E INOVAÇÃO, v. 4, n. 2, p. 6-28, 2018.

MATOS, Luis Estrela de. Fernando Pessoa: biografia para os sentidos. Convergência Lusíada, v. 22, n. 26, p. 185-185, 2011.

FÉLIX, Geisa Ferreira Ribeiro; SANTANA, Hélio Renato Góes; OLIVEIRA JUNIOR, Wilson. A música como recurso didático na construção do conhecimento. Cairu em Revista, v. 3, n. 4, p. 17-28, 2014.

FLOYD, Pink. Another brick in the wall. The Wall, 1979.

GADOTTI, Moacir. Pedagogia: diálogo e conflito. 2008.

GOMES, José Ney Costa. Alma à janela: perfil intensivo de Álvaro de Campos. 2009. Tese de Doutorado. Universidade de São Paulo.

GRAMSCI, Antonio. Práxis, Formação Humana e a Luta por uma Nova Hegemonia Universidade Federal do Ceará–Faculdade de Educação, v. 23, 2016.

HUXLEY, Aldous. Admirável mundo novo. Edição integral traduzida do original, 1932.

MARQUES, Abimael Antunes. A pedagogia tecnicista: um breve panorama. Itinerarius Reflectionis, v. 8, n. 1, 2012.

MOISÉS, Massaud. Fernando Pessoa - O Espelho e a Esfinge. Editora Cultrix, 2015.

OLIVEIRA, Alisson Rodrigo de Araújo. Teoria crítica e educação jurídica participativa: uma análise social, cultural e filosófica da obra ‘another brick in the wall’.

OLIVEIRA, Ivanilde Apoluceno de. Filosofia da Educação: reflexões e debates. Belém: UNAMA, 2001.

PESSOA, Fernando. Poesia Completa de Álvaro de Campos. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.

PINHEIRO, Fabio Luciano Francener. Pinóquio sem Final Feliz: Fantasia e luto em AI: Inteligência Artificial (2001). INSÓLITA-Revista Brasileira de Estudos Interdisciplinares do Insólito, da Fantasia e do Imaginário, v. 2, n. 1, p. 31-51, 2022.

PITTY, Música “Admirável Chip Novo”. DVD. (Des) Concerto. São Paulo, Gravado no Citibank Hall em 06 de julho de 2007.

RAMA, Jander Luiz. Homem-máquina: desconfianças de um corpo pós-humano. Revista-Valise, v. 2, n. 3, p. 63-74, 2012.

RAMALHO, Zé. Admirável Gado Novo. Zé Ramalho da Paraíba. Faixa 3, v. 23, 2019.

RIBEIRO, Ana; BAKKER, Bruna; FAVORETTO, Julia. Pitty: Imagem midiática e celebridade da indústria fonográfica no mercado juvenil.

SAVIANI, Dermeval. O legado de Karl Marx para a educação. Germinal: marxismo e educação em debate, v. 10, n. 1, p. 72-83, 2018.

SILVA, Andréa Villela Mafra da. A pedagogia tecnicista e a organização do sistema de ensino brasileiro. Revista HISTEDBR On-line, v. 16, n. 70, p. 197-209, 2016.

SILVA, Andréa Villela Mafra da. Neotecnicismo-a retomada do tecnicismo em novas bases. Revista de Ensino, Educação e Ciências Humanas, v. 19, n. 1, p. 10-16, 2018.

SOUZA, Moises Donizete de. Fernando Pessoa vida, obra e heteronomia. Monte Carmelo-MG: Unifucamp, 2017.

SPIELBERG, Steven. Inteligencia artificial. Editorial UOC, 2002.

VITAL, Egberto. O" Admirável Mundo Novo" De Pitty. Clube de Autores, 2009.
Publicado
2023-09-15
Visualizações
  • Artigo 116
  • PDF 43