ENSINO DE HISTÓRIA INDÍGENA E A LITERATURA INDÍGENA: EXPÊNCIAS DE RODAS DE CONVERSAS

  • Érika Thalita dos Santos Lacerda
  • Lays Freitas Ramos
  • John Herbert Alves Morgado
  • Valéria Moreira Coelho de Melo

Resumo

Neste trabalho, relatamos experiências de rodas de conversas desenvolvidas na Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Acy de Jesus Neves de Barros Pereira, no mês de abril. As atividades fazem parte do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid), no subprojeto de História “Entre os silêncios sobre a história indígena e a história das américas na educação básica: reflexões e preposições de estratégias pedagógicas em escolas de Marabá-PA”. O objetivo das atividades desenvolvidas foi ressignificar o dia 19 de abril, o “Dia do Índio”, pensando o Ensino de História Indígena. Abordaremos aqui relatos da roda de conversa em duas salas de 6° anos, que focou em Literatura Indígena, a escolha dessa temática se deu a partir da necessidade de trabalhar com educandos sobre culturas, identidades, sociedades indígenas, dando voz e ouvido ao sujeito estudado. Nesse sentido, a metodologia escolhida foi a leitura coletiva de alguns materiais, foram selecionados alguns autores: no 6° Ano A, a escritora indígena Márcia Wayna Kambeba; no 6° Ano C Daniel Munduruku, com o livro “Coisas de Índio: versão infantil”

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
2024-02-05
Visualizações
  • Artigo 14
  • PDF 10
Como Citar
Lacerda, Érika, Ramos, L., Morgado, J., & Melo, V. (2024). ENSINO DE HISTÓRIA INDÍGENA E A LITERATURA INDÍGENA: EXPÊNCIAS DE RODAS DE CONVERSAS. Seminário De Projetos De Ensino (ISSN: 2674-8134), 7(1). Recuperado de https://periodicos.unifesspa.edu.br/index.php/spe/article/view/2711

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)