Educação do campo e a construção de trajetórias de jovens rurais no Alto Jequitinhonha, MG

Palavras-chave: Juventude, Rural, Educação, Agricultura

Resumo

O termo “juventude” traz consigo intensos debates sobre o que significa esse período da vida das pessoas, podendo ser uma faixa etária ou um conjunto de características sociais. Neste artigo, considerou-se jovens rurais como uma categoria social construída a partir de experiências diversas. Por isso, fez-se necessário compreender o contexto em que eles estão inseridos: trata-se, em sua maioria, de jovens agricultores familiares que têm papel decisivo na reprodução social e financeira da unidade familiar a que pertencem. A partir dessa realidade, a educação do campo tornou-se oportunidade de formação para jovens rurais ao desenvolver habilidades tanto no curso superior escolhido, quanto no trabalho na roça. Com o objetivo de investigar a relação entre a Educação do Campo e as possíveis trajetórias dos jovens rurais do Alto Jequitinhonha, organizou-se um estudo com estudantes e egressos da Escola Família Agrícola de Veredinha (EFAV), Vale do Jequitinhonha mineiro. A pesquisa de campo foi realizada a partir de abordagem quanti-qualitativa realizada em duas fases: pesquisa documental e entrevistas semi-orientadas. A amostra foi organizada pelo município de origem dos estudantes e egressos, contemplando os municípios com maior representatividade: Turmalina, Veredinha, Minas Novas, Capelinha e Chapada do Norte. As entrevistas revelaram uma forte relação entre as habilidades desenvolvidas na EFAV e as perspectivas profissionais dos estudantes: 75% dos entrevistados pretendem cursar faculdades na área de Ciências Agrárias, Veterinária ou Zootecnia; enquanto 81,25% dos egressos permaneceram no Alto Jequitinhonha, embora as atividades profissionais sejam diversas. A formação em técnico em agropecuária, fornecida pela EFAV, fortaleceu um sentimento de pertença, desejo de continuar no campo e desenvolver atividades agrícolas, porém com uma formação que vai além da técnica e que permite o desenvolvimento de habilidades diversas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Warley Ferreira e Silva, Universidade Federal de Minas Gerais/Universidade Estadual de Montes Claros
Mestrando em Sociedade, Ambiente e Território pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)/ Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes).  Pesquisador do do Núcleo de Pesquisa e Apoio à Agricultura Familiar (NPPJUFMG).
Flavia Maria Galizoni, Universidade Federal de Minas Gerais
Graduada em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (1988), mestre em Ciência Social (Antropologia Social) pela Universidade de São Paulo (2000) e doutora em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (2005). É Professora da Universidade Federal de Minas Gerais onde coordena o Mestrado Associado UFMG-Unimontes em Sociedade, Ambiente e Território. Leciona em cursos de graduação e mestrado, orientando estudantes em iniciação científica, monografias de graduação e dissertações. Coordenadora do Núcleo de Pesquisa e Apoio à Agricultura Familiar (NPPJ) e do Centro de Referência da Cultura Material da Agricultura Familiar - Sítio de Saluzinho. Tem coordenado vários projetos de pesquisa e extensão apoiados pelo CNPq, Fapemig e outras agências. Entre 1990 e 1996 trabalhou como assessora técnica do Centro de Assessoria aos Movimentos Populares do Vale do Jequitinhonha (Campo-Vale). Desde 1998 desenvolve atividades em parceria como o Centro de Agricultura Alternativa Vicente Nica (CAV). Tem experiência na área de Antropologia, Sociologia Rural e Extensão Rural.

Referências

ABRAMOVAY, Ricardo et al. Juventude e agricultura familiar: desafios dos novos padrões sucessórios. 1. ed. Brasília: Convênio FAO-INCRA/CPPP-EPAGRI – Edições UNESCO, 1998.

ANJOS, Flavio Sacco dos; CALDAS, Nádia Velleda. O futuro ameaçado: o mundo rural face aos desafios da masculinização, do envelhecimento e da desagrarização. Ensaios FEE, v. 26, n. 1, p. 661-694, 2005.

BRANDÃO, Carlos Rodrigues. Saber de classe e educação popular. In: BRANDÃO, Carlos Rodrigues. O ardil da ordem. Campinas: Papirus, 1986.

BRUMER, Anita. A problemática dos jovens rurais na pós modernidade. In: CARNEIRO, Maria José; CASTRO, Elisa Guaraná (Org.). Juventude rural e perspectiva, 01. 2006. Anais[...] Rio de Janeiro: Murad X, 2007. 311 p.

BRUSCHINI, Cristina. Uma abordagem sociológica da família. Revista Brasileira de Estudos de População, v. 6, n. 1, jan./jul. 1989.

CARNEIRO, Maria José. Juventude e novas mentalidades no cenário rural. In: CARNEIRO, Maria José; CASTRO, Elisa Guaraná (Org.). Juventude Rural E Perspectiva, 01. 2006. Anais[...] Rio de Janeiro: Murad X, 2007. 311 p.

CASTRO, Elisa Guaraná de. Juventude rural no Brasil: processos de exclusão e a construção de um ator político. Revista Latinoamericana de Ciencias Sociales, Niñez y Juventud, v. 7, n. 1, p. 179-208, 2009.

CASTRO, Elisa Guaraná. Entre Ficar e Sair: uma etnografia social da categoria jovem rural. 2005. 427f. (Doutorado em Antropologia Social) – Museu Nacional, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2005.

CHAYANOV, Alexander. La família campesina y la influencia de su desarollo em la actividad económica. In: CHAYANOV, Alexander. La organización de la unidad económica campesina. Buenos Aires: Nueva Visión, 1974. p. 47-68.

DALFOVO, Michael Samir; LANA, Rogério Adilson; SILVEIRA, Amélia. Métodos quantitativos e qualitativos: um resgate teórico. Revista interdisciplinar científica aplicada, v. 2, n. 3, p. 1-13, 2008.

FANCK, Clenir. Entre a enxada e o lápis: a prática educativa da Casa Familiar Rural de Francisco Beltrão/PR. 2007. Dissertação de Mestrado. Porto Alegre: PPGEDU/UFRGS, 2007.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 51. ed. São Paulo: Paz & Terra, 2015. 143 p.

GALIZONI, Flávia Maria. A terra construída: família, trabalho, ambiente e migrações no Alto Jequitinhonha, Minas Gerais. 2000. 98f. Dissertação (Mestrado em Antropologia Social) – Universidade Federal de Lavras, Lavras, MG, 2000.

GASKELL, Gorge; BAUER, Martin (Orgs.). Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som: um manual prático. Petrópolis: Vozes, 2002.

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

HEIN, Gustavo Elias. Sucessão Familiar Rural: Um estudo de caso com jovens egressos da escola família agrícola de Santa Cruz Do Sul/RS. 2017. 51f. (Bacharelado em Desenvolvimento Rural) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Cachoeira do Sul, RS, 2017.

IBGE. Censo Agro 2017: dados preliminares [Internet]. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 2018. Disponível em: https://censos.ibge.gov.br/agro/2017/. Acesso em: 09 fev. 2020.

LEÃO, Geraldo; ROCHA, Maria Isabel Antunes. Juventudes do campo. Belo Horizonte, MG: Autêntica, 2015.

LÉVI-STRAUSS, Claude. A família. In SHAPIRO, Harry L. Homem, Cultura e sociedade. 2. ed. Brasil/Portugal: Fundo de Cultura, 1972.

MENDONÇA, Kenia Fabiana Cota. Sucessão, formação e migração: destinos de duas gerações de agricultores familiares do Alto Jequitinhonha, MG. 2008. 119f. (Mestrado em Administração) - Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, MG.

MONTE-MÓR, Roberto Luís; SILVA, Harley. Transição urbana, urbanização extensiva e meio ambiente: diálogos possíveis. In: CONGRESO DE LA ASOCIACIÓN LATINOAMERICANA DE POBLACIÓN, 4., 2010, Havana, Cuba. Anais [...]. Havana: APAL, 2010.

PIETRAFESA, José Paulo. Sustentabilidade e espaço rural: Escola Família Agrícola de Goiás. In: ENCONTRO ANUAL DA ANPOCS, 32., 2008, Caxambu. Anais [...]. Caxambu: Anpocs, 2008.

PLANO ESTADUAL DE JUVENTUDE. (2008). Plano Estadual de Juventude: construindo um pacto pela juventude. PE: Secretaria Especial da Juventude e Emprego; Governo de Pernambuco. Disponível em: http://www.portais.pe.gov.br/c/document_library/get_file?p_l_id=32341625&folder
Id=32341241&name=DLFE-159944.pdf. Acesso em: 03 abr. 2020.

QUEIROZ, Maria Isaura. Variações sobre técnica de gravador no registro da informação viva. 9. ed. São Paulo: Editora T.A Queiroz, 1991.

RIBEIRO, Eduardo Magalhães et al. Agricultura familiar e programa de desenvolvimento rural no Alto Jequitinhonha. Revista de Economia e Sociologia Rural, Brasília, DF, v. 45, n. 4, p. 1075-1102, 2007

SAVIANI, Demerval. Escola e Democracia. 42. ed. Campinas: Autores associados, 2012.

SCHNEIDER, S. A pluriatividade na agricultura familiar. In: BOTELHO FILHO, Flávio Borges (Org.) Agricultura Familiar e Desenvolvimento Territorial: Contribuições ao Debate. Brasília: Universidade de Brasília, Centro de Estudos Avançados Multidisciplinares, Núcleo de Estudos Avançados. 2005. v. 05, n. 17. p. 23-42.

SILVA, Leandro Luciano. Dois tempos, vários lugares: trabalho e emancipação em alternância. 2007. 129f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2017.

SILVA, Vanda. Sertão de Jovens. São Paulo: Cortez, v. 115, 2004. 120 p. (Questões da nossa época).

STRECK, Danilo R. Da pedagogia do oprimido às pedagogias da exclusão: um breve balanço crítico. Educação e Sociedade, São Paulo, vol. 30, num. 107 p. 539-560, 2009.

TAVARES, Celma. Educação integral, educação contextualizada e educação em direitos humanos: reflexões sobre seus pontos de intersecção e seus desafios. Acta Scientiarum. Human and Social Sciences, v. 31, n. 2, 13 out. 2009.

TEIXEIRA, Edval Sebastião et al. Estudos sobre Pedagogia da Alternância no Brasil: revisão de literatura e perspectivas para a pesquisa. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 34 n. 02, p. 227-242, mai.- ago. 2008.

WANDERLEY, Maria de Nazareth Baudel. Jovens rurais de pequenos municípios de Pernambuco: que sonhos para o futuro. Juventude rural em perspectiva. Rio de Janeiro: Mauad X, 2007. p. 21-34.

WEISHEIMER, Nilson. Juventudes Rurais: Mapa de Estudos Recentes. Brasília: Ministério do Desenvolvimento Agrário, 2005.

WOORTMANN, Klaas. Migração, família e campesinato. Revista Brasileira de Estudos da População, v.7, n. 1, jan./jun. 1990.
Publicado
2020-06-28
Visualizações
  • Artigo 156
  • PDF 78
Como Citar
SILVA, W.; GALIZONI, F. Educação do campo e a construção de trajetórias de jovens rurais no Alto Jequitinhonha, MG. ReDiPE: Revista Diálogos e Perspectivas em Educação, v. 2, n. 1, p. 185-200, 28 jun. 2020.