Livros didáticos e formação de professores: questões para o Ensino de História

Palavras-chave: Livro Didático de História; Formação de Professores; Professor de História; Professor Generalista; Ensino de História.

Resumo

O presente artigo tem por objetivo examinar (investigar, caracterizar e compreender) as relações entretidas no Brasil entre Livro didático o livro didático de História e a formação profissional de docentes, tanto a formação do profissional de História, responsável pelo ensino da História aos alunos do Ensino Fundamental II e Médio, quanto a formação do chamado professor generalista (em sua grande maioria pedagogos) responsáveis pelo ensino da História aos alunos do Ensino Fundamental I. Refletir sobre a importância desse material na formação dos alunos e discutir a necessidade de uma maior exploração do livro didático na formação inicial de professores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Almir Félix Batista de Oliveira, Universidade Federal do Rio Grande do Norte/PPGTUR
Possui graduação em Administração pela Universidade Federal da Paraíba (1996), especialização em Gestão da Qualidade & Produtividade também pela UFPB (1996), mestrado em História pela Universidade Federal de Pernambuco (2002) e doutorado em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2016). Tem experiência na área de História, com ênfase em História Social, atuando principalmente nos seguintes temas: patrimônio cultural, memória, história e cultura, história da arte, museologia, ensino de história e livros didáticos. Tem experiência também na área de Turismo e sua relação com a apresentação/preservação/manutenção do patrimônio cultural. Possui livros e artigos publicados discutindo a temática do patrimônio cultural, as politicas públicas de preservação do patrimônio e do livro didático, a educação patrimonial, o turismo, entre outros, Atualmente desenvolve Estágio Pós-Doutoral no Programa de Pós-Graduação em Turismo da UFRN, onde tem ministrado disciplinas, realizado pesquisas e co-orientado trabalhos de mestrado e doutorado. Colaborou e tem colaborado na implementação de memoriais no RN, como o Memorial do Ministério Público do Estado e o do Programa Nacional do Livro Didático (Memorial do PNLD) e na organização de arquivos como o do Ministério Público do Estado do RN e da Arquidiocese de Natal. E-mail: almirfbo@yahoo.com.br.

Referências

APPLE, Michael. Manuais Escolares e Trabalho Docente: uma economia política de relações de classe e de gênero na Educação. Lisboa: Didática, 2002.
CAINELLI, Marlene. O que se ensina e o que se aprende em História. In: OLIVEIRA, Margarida Maria Dias de (Coord.). História: ensino fundamental (Coleção Explorando o Ensino – V. 21). Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2010
Para mais informações consultar: CAINELLI, Marlene. A escrita da História e os conteúdos ensinados na disciplina de História no Ensino Fundamental. In: Educação e Filosofia. Uberlândia, v. 26, n. 51, p. 163-184, jan./jun. 2012. Disponível em . Acesso em: 20 set. 2015.
CASSIANO, Célia Cristina de Figueiredo. Mercado do Livro Didático no Brasil: da criação do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) à entrada do capital internacional espanhol (1985-2007). Tese (Doutorado em Educação), Programa de Pós-Graduação em Educação, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.
CRUZ, S. P. da S. Concepções de polivalência e professor polivalente: uma análise histórico‐legal. In: IX SEMINÁRIO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS, 9, 2012. João Pessoa. Anais... João Pessoa: UFPB, 2012.
FRANCO, Aléxia Pádua. Apropriação docente dos livros didáticos de História das séries iniciais do ensino fundamental. Tese (Doutorado em Educação), Programa de Pós-graduação em Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2009
FREITAS, Itamar de. Livro didático de História: definições, representações e prescrições de uso. In: OLIVEIRA, Margarida Maria Dias de; OLIVEIRA, Almir Félix Batista de (Org.). Livros didáticos de História: escolhas e utilizações. Natal: EDUFRN, 2009.
LIBÂNEO, José Carlos. Produção de saberes na escola: suspeitas e apostas. In: CANDAU, Vera Maria (Org.). Didática, currículo e saberes escolares. Rio de Janeiro: DP&A, 2002
LIMA, Marta Margarida de Andrade. As tessituras da História ensinada nos anos iniciais: pelos fios da experiência e dos saberes docentes (Garanhuns-Pernambuco). Tese (Doutorado em Educação), Programa de Pós-graduação em Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2013
MONTEIRO, Ana Maria. A prática de ensino e a produção de saberes na escola. In: CANDAU, Vera Maria (Org.). Didática, currículo e saberes escolares. Rio de Janeiro: DP&A, 2002
OLIVEIRA, Margarida Maria Dias de. O Direito ao Passado – Uma Discussão Necessária à Formação do Profissional de História. Aracaju: Editora UFS, 2011.
OLIVEIRA, Margarida Maria Dias de; FREITAS, Itamar. Formação do Profissional de História na Contemporaneidade. Mouseion. Canoas: UnilaSalle, 2014, 109-125. P. 114.
PRATS, Joaquín. Ensinar História no contexto das Ciências Sociais: princípios básicos. Educar. (Especial). Curitiba: Editora da UFPR, 2006.
TALAMINI, Jaqueline Lesinhovski. O Uso do Livro Didático de História nas Séries Iniciais do Ensino Fundamental: a relação dos professores com os conceitos presentes nos manuais. 2009. Dissertação (Mestre em Educação), Programa de Pós-graduação em Educação, Universidade Federal do Paraná, Paraná, 2009
UFRJ. Regimento Geral do PROFHISTÓRIA. Rio de Janeiro: UFRJ, 2014, p.01
Publicado
2020-12-17
Visualizações
  • Artigo 66
  • PDF 57
Como Citar
Oliveira, A. F. (2020). Livros didáticos e formação de professores: questões para o Ensino de História. Escritas Do Tempo, 2(6), 11-35. https://doi.org/10.47694/issn.2674-7758.v2.i6.2020.1135
Seção
v.2 n.6 (2020) Dossiê História: ensino, livro didático e formação de professores