Resenha de "Lima Barreto: triste visionário"

Palavras-chave: -

Resumo

Resenha do livro "Lima Barreto: triste visionário", de Lilia Moritz Schwarcz.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Bento Rosa da Silva, UFPE
Possui graduação em História pela Fundação do Polo Regional do Vale do Itajaí (1985), mestrado em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1994) e doutorado em História pela Universidade Federal de Pernambuco (2001). Atualmente é professor associado da Universidade Federal de Pernambuco. Tem experiência na área de História, com ênfase em História da África, atuando principalmente nos seguintes temas: África - história - diáspora, abolição - escravidão - trabalho, cidade - memória - porto, escravidão. Vinculado ao Centro De Estudos Africanos da Universidade do Porto (Portugal- 2002/2016) como investigador doutorado. Estágio pós-doutoral na Université Jean Jures - Mirail I (Toulouse- 2014-2015). Vice-coord. do Instituto de Estudos da África na Universidade Federal de Pernambuco (2016-2017). Membro do Núcleo de Estudos de Identidades e Relações Interétnicas da Universidade Federal de Santa Catarina.

Referências

SCHWARCZ, Lilia Moritz. O Espetáculo das Raças: Cientistas, Instituições e Questão Racial no Brasil (1870–1930). São Paulo: Cia. Das Letras, 1993.
CALVINO, Ítalo. As Cidades Invisíveis. São Paulo: Cia. Das Letras, 1990.
FERNANDES, Florestan. O Negro no Mundo dos Brancos. São Paulo: Difusão Europeia do Livro, 1972.
Ginzburg, Carlo. Mitos, Emblemas, Sinais. Morfologia e História. São Paulo: Cia. Das Letras, 1989.
Publicado
2020-06-30
Visualizações
  • Artigo 93
  • PDF 44
Como Citar
Silva, J. (2020). Resenha de "Lima Barreto: triste visionário". Escritas Do Tempo, 2(4), 340-343. Recuperado de https://periodicos.unifesspa.edu.br/index.php/escritasdotempo/article/view/1385