Imagens do Nazismo e da "Shoah" em "A guerra no Bom Fim"

Palavras-chave: A guerra no Bom Fim, Moacyr Scliar, nazismo, Shoah, Segunda Guerra Mundial

Resumo

Este estudo tem por objeto imagens do nazismo e da Shoah no romance A guerra no Bom Fim (1972), de Moacyr Scliar. Ao valer-se da ironia, do fantástico e do insólito, o escritor cria um universo em miniatura para, a partir do olhar infantil de seu protagonista, apresentar de maneira contundente a violência e os dilemas dos adultos. Na referida obra, o bairro porto-alegrense do Bom Fim ganha contornos do “schtetl”, a aldeiazinha judaica do Leste europeu. É o mundo da fantasia do “rei Joel”, em que figuras chagallianas pairam no ar, e em cujas ruas se trava uma guerra. Nele, a Segunda Guerra Mundial se faz presente com todo o seu poder de destruição, mesmo que a miremos através da fantasia de um grupo de crianças.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elcio Loureiro Cornelsen, Universidade Federal de Minas Gerais

É Professor Titular da Faculdade de Letras da UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais, credenciado junto ao Programa de Pós Graduação em Estudos Literários. Além disso, é docente credenciado junto ao Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Estudos do Lazer, da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional (EEFFTO/UFMG. Desde 2013). É Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - nível 2 com o projeto Literatura e Futebol no Brasil: dos primórdios aos dias atuais.

Referências

AMARAL, Lincoln. A ficção de Moacyr Scliar entre o passado e o futuro. Arquivo Maaravi. Revista Digital de Estudos Judaicos da UFMG. Belo Horizonte, v. 11, n. 20, p. 1-10, maio 2017. Disponível em: http://dx.doi.org/10.17851/1982-3053.11.20.212-223. Acesso em: 23 mar. 2020.

CARNEIRO, M. L. T. (1988). O anti-semitismo na Era Vargas. São Paulo: Brasiliense.

CORNELSEN, Elcio Loureiro. O ‘Shtetl’ e seus Sapateiros. In: SCARPELLI, Marli Fantini; DUARTE, Eduardo de Assis (orgs.), Poéticas da Diversidade. Belo Horizonte: FALE/UFMG, 2002, p. 318-342.

CORNELSEN, Elcio Loureiro. Do ‘shtetl’ ao Xingu: emigração judaica, em Moacyr Scliar. In VAZ, Artur Emílio Alarcon; BAUMGARTEN, Carlos Alexandre; CURY, Maria Zilda Ferreira (orgs.). Literatura e imigração: sonhos em movimento. Belo Horizonte: FALE/UFMG/POSLIT, p. 35-49, 2006.

CORNELSEN, Elcio Loureiro. Infância e espacialização do bairro judeu nos romances ‘Bom Retiro’, de Eliezer Levin e ‘A Guerra no Bom Fim’, de Moacyr Scliar. Revista do Centro de Estudos Portugueses. Belo Horizonte, v. 26, n. 35, p. 97-106, 2006. Disponível em: http://dx.doi.org/10.17851/2359-0076.26.35.97-106 . Acesso em: 23 mar. 2020.

CORNELSEN, Elcio Loureiro. De ‘Tevye, o leiteiro’ ao ‘Violinista no Telhado’. WebMosaica. Revista do instituto cultural judaico Marc Chagall. Porto Alegre, v. 8, n. 1, p. 83-105, 2016. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/webmosaica/article/view/71159. Acesso em: 23 mar. 2020.

CORNELSEN, Elcio Loureiro; CURY, Maria Zilda Ferreira. Espaço étnico e traduções culturais em Moacyr Scliar e Eliezer Levin. In: ZILBERMAN, Regina; BERND, Zilá (orgs.). O viajante transcultural: leituras da obra de Moacyr Scliar. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2004, p. 155-157.

GIACOMUZZI, Alexandra. O Bom Fim visto por Scliar. Universo IPA. Porto Alegre, v. 2, n. 6, versão mural, maio 2008. Disponível em: www.metodistasul.edu.br/universoipa. Acesso em: 23 mar. 2020.

GUIMARÃES, Lealis Conceição. A ironia na recriação paródica em novelas de Moacyr Scliar. Tese. Assis/SP: Universidade Estadual Paulista, 2005.

IGEL, Regina. Imigrantes judeus, escritores brasileiros: o compromisso judaico na literatura brasileira. São Paulo: Perspectiva, 1997. (Coleção estudos; 156)

LAGO, Mayra Coan. Em Guarda para as Américas e o discurso pan-americanista para a América Latina (1941-1945). Revista Latino-Americana de História. São Leopoldo/RS, v. 8, n. 22, p. 235-257, 2019.

NASCIMENTO, Lyslei de Souza. Infância e miniatura em ‘A guerra no Bom Fim’, de Moacyr Scliar. Cadernos de Língua e Literatura Hebraica. São Paulo, v. 12, p. 1-10, 2015.

OLIVEIRA, Leopoldo Osório Carvalho de. ‘A guerra do Bom Fim’ e o bom fim do ‘Schtetl’: a gênese da temática predominante nas obras de Moacyr Scliar. Odisséia. Natal/RN, v. 4, p. 1-11, jul./dez. 2009.

SARMENTO-PANTOJA, Tânia. O olhar da infância em narrativas pós-ditatoriais na América Latina. ANAIS DA RAJA BRASIL 2010 – IX. JORNADAS ANDINAS DE LITERATURA LATINO-AMERICANA. Niterói/RJ, p. 1900-1906, 2010. Disponível em: https://www.yumpu.com/pt/document/view/12851593/anais-do-jalla-brasil-2010-pro-reitoria-de-pesquisa-pos-. Acesso em: 23 mar. 2020.

SCLIAR, Moacyr. Memórias judaicas. In: SCLIAR, Moacyr; SOUZA, Márcio. Entre Moisés e Macunaíma: os judeus que descobriram o Brasil. Rio de Janeiro: Garamond, 2000, p. 23-84.

SCLIAR, Moacyr. A guerra no Bom Fim. Porto Alegre: L&PM. 2001.

STAUDT, Sheila Katiane. As variantes bélicas em ‘A guerra no Bom Fim’, de Moacyr Scliar. Nau Literária. Porto Alegre, v. 1, n. 2, p. 123-131, 2015.

SZKLO, Gilda Salem. O Bom Fim do ‘Schtetl’: Moacyr Scliar. São Paulo: Perspectiva, 1990.

WALDMAN, Berta. A guerra no Bom Fim: uma forma seminal? In: ZILBERMAN, Regina; BERND, Zilá (orgs.). O viajante transcultural: leituras da obra de Moacyr Scliar. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2004, p. 47-66.

WALDMAN, Berta. Entre passos e rastros: presença judaica na literatura brasileira contemporânea. São Paulo: Perspectiva, 2003. (Coleção estudos; 191)

WINCK, Otto Leopoldo. Ecos do trauma em Moacyr Scliar. In: ANAIS DO II CONGRESSO INTERNACIONAL DE ESTUDOS EM LINGUAGEM. Ponta Grossa/PR, p. 1-11, 2017. Disponível em: https://proceedings.science/ciel-2017/papers. Acesso em: 23 mar. 2020.

Publicado
2023-01-05
Visualizações
  • Artigo 21
  • PDF 10
Como Citar
Cornelsen, E. (2023). Imagens do Nazismo e da "Shoah" em "A guerra no Bom Fim". Escritas Do Tempo, 4(12), 283-305. https://doi.org/10.47694/issn.2674-7758.v4.i12.2022.283305