Editorial

Palavras-chave: História; Ações Afirmativas.

Resumo

A Lei 12.711/2012, conhecida como Lei de Cotas, dispõe sobre a reserva de vagas nas universidades e nos institutos federais de Educação Superior aos/as estudantes de escolas públicas e aqueles autodeclarados pretos, pardos e indígenas. Criada no primeiro governo da presidenta Dilma Roussef (PT), legalmente eleita, em 2022 completa-se 10 anos da referida Lei e intensos têm sido os debates e reflexões sobre sua avaliação e ampliação, mesmo que o cenário nacional da educação no país caminhe, muitas vezes, na contramão dos anseios por uma sociedade democrática, justa e igualitária em oportunidades e bem-viver...

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Karla Leandro Rascke, UNIFESSPA

Docente da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa). Doutora em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Editora da Revista Escritas do Tempo. Atua na Coordenadoria de Apoio a Diversidade Étnico-Racial do Núcleo de Ações Afirmativas, Diversidade e Equidade (CADER/NUADE) da Unifesspa. Coordenadora Institucional do PARFOR-Unifesspa.

Erinaldo Vicente Cavalcante, UFPA

Docente da Universidade Federal do Pará (UFPA). Doutor em História pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Editor da Revista Escritas do Tempo.

Geovanni Gomes Cabral, UNIFESSPA

Docente da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa). Doutor em História pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Diretor da Faculdade de História (FAHIST/Unifesspa). Editor da Revista Escritas do Tempo.

Marcus Vinicius Reis, UNIFESSPA

Docente da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa). Doutor em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Editor da Revista Escritas do Tempo.

Referências

ABREU, Martha; MATTOS, Hebe; DANTAS, Carolina Vianna. Em torno do passado escravista: as ações afirmativas e os historiadores. Antíteses, vol. 3, n. 5, 2010, p. 21-37.

FELIPE, Delton Aparecido; SILVA, Vera Regina Rodrigues da. Os feitos e os Efeitos das Cotas Raciais no Brasil: avanços, desafios e possibilidades. Escritas do Tempo, vol. 4, n. 10, 2022, p. 4-9.

MATTOS, Wilson Roberto. Contribuição historiográfica ao debate sobre ações afirmativas: exclusão racial na Bahia do século XIX. NASCIMENTO, AD.; HETKOWSKI, TM. (org.). Memória e formação de professores [online]. Salvador: EDUFBA, 2007. 310 p. Disponível em: http://books.scielo.org Acesso em: 22 jan. 2020.
Publicado
2022-04-30
Visualizações
  • Artigo 36
  • PDF 44
Como Citar
Rascke, K., Cavalcante, E., Cabral, G., & Reis, M. (2022). Editorial. Escritas Do Tempo, 4(10), 1-3. https://doi.org/10.47694/issn.2674-7758.v4.i10.2022.0103

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)